Você não está logado | Entrar | Cadastrar
24/06/2018

PPS capixaba abre livro de pré-candidaturas em encontro estadual em Vitória







Foto: Wilbert Silva
PPS capixaba abre livro de pré-candidaturas em encontro estadual em Vitória



Por: Assessoria PPS-ES

Oito pré-candidatos a deputado federal, 19 postulantes a deputado estadual e um ao Senado. Estes foram os números dos filiados inscritos no livro de pré-candidaturas aberto neste sábado (23), durante encontro do Partido Popular Socialista (PPS) do Espírito Santo, que aconteceu pela manhã na Câmara Municipal de Vitória, capital do Estado.


No evento, que contou com representantes do Progressistas (PP) e do Partido Socialista Brasileiro (PSB), os pré-candidatos inscritos fizeram duras críticas ao atual governo do Estado dizendo que “há uma paralisia administrativa, principalmente no interior do Espírito Santo, nas áreas de infraestrutura e saneamento”. Houve críticas também na área da segurança pública.


O presidente da Câmara de Nova Venécia, região Norte do Estado, vereador Antônio Emílio, por exemplo, salientou em seu discurso que o PPS precisa aumentar o número de representantes no Congresso Nacional e na Assembleia Legislativa. Vários pré-candidatos discursaram e a maioria foi no sentido de que o PPS deve buscar musculatura e densidade eleitoral para disputar o Governo do Estado daqui a quatro anos.


 


Senado


Pela primeira vez, o PPS capixaba vai para as eleições com um candidato a vaga no Senado. O socialista Marcos do Val, empresário e especialista em segurança pública, destacou que já atuava ajudando o partido nas discussões sobre segurança e agora tenta uma das duas vagas abertas para senador.


“O PPS é formado de um time vencedor. Na ética, na forma como lidar com os desafios e, eu, estando de fora, pude ver como foi isso. Eu acreditei nisso, nesse time e tenho levado esse discurso e essa ideia para fora do mundo político. Eu tenho falado que no mundo político tem gente do bem, tem gente honesta, gente que trabalha e que se preocupa com as questões da nação”, disse Marcos do Val, que empunha a bandeira da segurança pública.


O presidente estadual do PPS no Espírito Santo, o vereador Fabrício Gandini, agradeceu a todos os membros do partido que ajudaram a construir a ideia de disputar e colocaram seus nomes no livro à disposição da sociedade.


Ele lembrou de quando começou a militar na política e fez um discurso motivacional. “Eu era um dos dirigentes do grêmio estudantil e percebi que poderia contribuir ainda mais para a política estadual e nacional se me filiasse a um partido e me colocasse à disposição da sociedade para representa-la. E hoje, onde estiver o interesse público ali eu estarei também”, disse Gandini.





Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 275 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Deixe seu comentário
Bloqueado
É preciso estar logado para deixar um comentário.
Clique aqui, cadastre-se e participe!!


Este conteúdo tem 0 comentário(s)





Enquete
Em quem você votaria para presidente do Brasil em 2018?


Outros
Michel Temer
Marina Silva
Geraldo Alckmin
Lula
João Doria
Cristovam Buarque
Ciro Gomes
Bolsonaro
Aécio Neves
Opa, selecione uma opção.










Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação | Hospedagem e Manutenção:Núcleo de Tecnologia do PPS
© Partido Popular Socialista - PPS (2008)